Muitas marcas investem em embalagens que são agradáveis e sensitivas ao toque

No último capítulo da série “marketing sensorial” falaremos sobre o tato. Afinal, como propor através do toque uma experiência sensitiva ao seu cliente, como trabalhar essa percepção no emocional dele e como as marcas usam?

Primeiro de tudo é necessário entender qual a importância do tato para nós seres humanos. É o sentido que abrange todas as formas de tocar em algum objeto ou alguma outra coisa, é um ótimo sensor, além de um ótimo leitor, através dele temos percepções de temperatura, textura, elasticidade, peso, pressão e até mesmo de conforto.

As marcas por meio desses sentidos investem no toque que dê o melhor agrado ao cliente e que o gere uma sensação marcante. Você já deve ter estourado plástico bolha alguma vez na sua vida e aquela sensação foi gostosa ou já acariciou algum animal de estimação e adorou o contato da sua mão com o pelo! Isso, entre outras centenas de situações, são prazeres que temos pelo toque.

Como as grandes marcas usam essa estratégia de marketing sensorial?

Das grandes às pequenas marcas essa estratégia é usada. Por exemplo, a Apple desenvolveu minuciosamente seus produtos e embalagens para serem leves e de fácil manuseio, pensando nos detalhes do formato até o peso e a textura. As costas dos iPhones e iPads causam uma sensação original do produto Apple para quem o manuseia.

A Coca-Cola também criou uma identidade que é um diferencial há décadas em relação a essa estratégia de marketing sensorial: o design da garrafa de vidro, que tem ondulações que só a marca promoveu e virou um grande diferencial, além de elemento de identidade.

Mas, pode reparar, mesmo sendo marcas grandes, multinacionais, fizeram coisas simples. Você pode fazer na sua independente do tamanho!

As marcas por meio do marketing sensorial investem no toque que dê o melhor agrado ao cliente e que o gere uma sensação marcante.

Onde explorar o marketing sensorial táctil?

Nesse quesito, começar pelo básico já é muito importante. Desenvolva seu produto de uma forma que aguce o cliente a manuseá-lo, seja através do tecido, de objetos em si, até a própria embalagem, é fundamental sempre pensar no design e na textura. Sua embalagem e a sua matéria-prima têm de demonstrar ao cliente tudo o que você deseja que ele sinta, além de representar, materialmente, todos os valores da sua marca. Invista numa textura que converse bem com o visual do produto e que seja uma memória rápida no seu cliente – crie uma emoção no seu cliente.

Por exemplo, algo muito simples, não precisa nem ver o desenho mas só de você pensar em um copo com a base menor e a boca maior, com tampa e canudo, você já enxerga o copo do McDonald’s, a caixa onde são servidos tanto a batata como o lanche são estratégias de diferenciação perante o concorrente e de marketing sensorial – você acaba ficando marcado.

O design do copo do McDonald’s pode ser diferente em vários países do mundo, mas seguem um padrão de identidade e diferenciação.

Como ser criativo?

Essas estratégias são muito eficientes se feitas com sabedoria, nunca vá pelo amadorismo, opte sempre pelo profissionalismo – use ou contrate profissionais de comunicação. O simples nesse caso já facilita muito para explorar várias opções. É possível aplicar essa estratégia de variadas formas, mas é sempre importante saber o que estão fazendo e como estão fazendo, principalmente os seus concorrentes. Uma estratégia bem elaborada dá segurança para ser criativo.

Por exemplo, há marcas de roupas que investiram pesado na “receita” para criar seus tecidos, para driblar tanto os concorrentes como a pirataria e fazer com que o cliente ao sentir o toque saiba qual marca é e se é original ou pirata.

Outras investem muito no próprio design dos seus produtos, trabalhando de forma detalhada sob os objetos que oferecem para criar esse registro na cabeça do consumidor. Se você já vestiu um tênis Nike e um tênis Adidas com certeza você consegue saber, sem olhar, apenas pelo toque da sola do seu pé com a palmilha, qual marca está calçando – e isso é tudo muito bem desenvolvido para causar essa diferenciação.

Recomendamos também, para começar, sempre pensar com muito carinho na embalagem, caixa ou qualquer recipiente em que vá o seu produto, independente do ramo em que trabalhe, desenvolva ela com um excelente design e que proteja também o seu produto, boas embalagens portas de entrada na casa de clientes.

O festival internacional “Tomorrowland” criou uma embalagem que é interativa táctil e visualmente, um grande sucesso entre os fãs e também de marketing sensorial relacionado a visão, audição e principalmente tato.

Rua Lisboa, 463 • Pinheiros • CEP 05413-000 • São Paulo | SP • Tel 3881 0828 | 3853 VILA